RPGBrasil.Org
Se Você não é Membro, Cadastra-se Agora é rapido e fácil.
Venha Participar do Melhor Forum de RPG voltado a um Cenário.
Últimos assuntos
» GRANDES LORDES
Ontem à(s) 12:33 pm por Bordini

» POPULAÇÃO DO REINO DOS MORTOS
Qui Nov 16, 2017 5:48 pm por druidadp

» REFERÊNCIAS DO REINO DOS MORTOS
Ter Nov 14, 2017 5:59 pm por druidadp

» IDÉIAS DE AVENTURAS EM ERA (Colaborativo)
Ter Nov 14, 2017 5:17 pm por druidadp

» Bracelete Olho de Rallor
Ter Nov 14, 2017 2:25 pm por druidadp

» POLÍTICA DE FRONTEIRAS [APROVADO]
Qua Nov 08, 2017 2:00 pm por druidadp

» [AGUARDANDO CORREÇÃO] Favaros - Um Olhar Sensorial
Dom Nov 05, 2017 6:07 pm por Élisson Machado

» musica que inspira uma sessão de rpg
Sab Nov 04, 2017 10:04 am por draculino

» Um projeto de novembro de Aguas Misticas
Seg Out 30, 2017 9:46 pm por draculino

» Utilitários
Seg Out 30, 2017 4:20 pm por druidadp

» Biocyberdrama roteiro de Edgar Franco ilustrado por Mozart Couto
Dom Out 29, 2017 11:33 am por draculino

» Filmes de Akira Kurosawa que inspiram uma sessão de rpg
Dom Out 29, 2017 11:14 am por draculino

» PRINCIPAIS GUERRAS [APROVADO]
Qui Out 19, 2017 11:25 am por druidadp

Os membros mais ativos da semana
druidadp
 
Fininho
 
AzorHexx
 
Bordini
 

Os membros mais ativos do mês
druidadp
 
Fininho
 
Bordini
 
Élisson Machado
 
draculino
 
AzorHexx
 

Quem está conectado
4 usuários online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 4 Visitantes

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 162 em Sab Fev 26, 2011 7:45 am
Conectar-se

Esqueci minha senha

Visitas
Flag Counter

POLÍTICA DE FRONTEIRAS [APROVADO]

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

ESTE MATERIAL ESTÁ

100% 100% 
[ 5 ]
0% 0% 
[ 0 ]
 
Total dos votos : 5

resolvido POLÍTICA DE FRONTEIRAS [APROVADO]

Mensagem por druidadp em Ter Out 17, 2017 5:54 pm

NOVO MATERIAL

POLÍTICA DE FRONTEIRA:
TAREFA 01: DESCRITIVO - 27/11/2017 - Concluído em 25/10/2017
Descritivo: Será na verdade uma forma de descrever a maneira que os outros reinos enxergam o Reino dos Mortos. Afinal, todos o veem como uma ameaça. Mas quanto realmente cada reino está preocupado com esta ameaça que a anos está ali, inerte.
Atribuição: Escritores

TAREFA 02: REVISÃO DOS TEXTOS - 03/11/2017 - Concluído em 27/10/2017
Descritivo: Rever o texto desenvolvido, corrigir possíveis erros de português e sugerir mudanças se necessário.
Atribuição: Escritores / Revisores

TAREFA 03: ILUSTRAÇÕES - 03/11/2017 - Concluído em 03/11/2017
Descritivo: Sugerir ilustrações com base no descritivo.
Atribuição: Designer / Desenhista

________________________________________________________________________

POLÍTICA DE FRONTEIRAS
Pelo Conselheiro: Edson Lemes Jr "Druida das Pradarias"

OBSERVAÇÃO DO ESCRITOR: Criei este material com base no mesmo tópico usado no livro do Reino dos Magos e Reino de Belthor, onde temos a visão que o reino tem em relação aos demais reino. Porém, neste caso temos a visão de cada reino tem em relação ao Reino dos Mortos.

Aspectos Gerais - Fronteiras:

As fronteiras do Reino dos Mortos se estendem:

- Ao sul, a fronteira com o Reino dos Magos é delimitada pelo grande Rio Negro.
- A leste e norte, tal reino faz fronteira com o Reino Anão. Sendo esta divisa delineada pelas torres de vigília Anã e o Forte de Noreã e pelas próprias brumas que norteiam a fronteira. Dizem que as brumas podem variar em até 50 metros o limite da fronteira.
- A oeste não existe fronteiras, a não ser o próprio oceano.

Não existe nenhuma relação comercial entre o Reino dos Mortos e os demais reinos de ERA. O Reino dos Mortos é um reino fora do contexto político de ERA, mas totalmente dentro do contexto histórico. Ao mesmo tempo que é ignorado politicamente é temido militarmente.
A única cidade que encontra-se dentro do reino das brumas, mas que considera-se parte do Reino dos Magos, é Stuária, sendo esta a única que recebe alguns mercadores em suas terras.


A visão dos reinos em Relação ao Reino dos Mortos:

REINO DOS MAGOS:
O Reino dos Magos é o reino com a maior divisa com o Reino dos Mortos e também um dos mais preocupados com qualquer movimentação que levante um possível despertar deste reino. Sua história é regada a sangue e traz em sua herança a história da queda de Ecatron, que levou toda uma população ao sofrimento e a fuga desesperada de suas terras. Tudo isso marcou gerações que transmitem de pai para filho sobre os perigos do reino que dividem fronteira o norte.
Desta forma tal Reino conta com uma vigília constante sobre o reino das Brumas através da CIDADE DA PONTE, do FORTE e também da cidade de STUÁRIA que detém grandes conhecimentos sobre o interior das brumas.

REINO DOS BELTHOR:
O Reino de Belthor está a dois reinos de distância do Reino dos Mortos. Tal distância somada ao silêncio constrangedor que apenas os mortos podem exercer, fazem com que Belthor pouco se importe com "o perigo eminente", afinal, antes que os mortos cheguem até eles, precisam atravessar dois reinos, dando tempo suficiente para que estes se preparem para a defesa.
Devido a relação comercial entre o Reino dos Magos, algumas vezes o Reino de Belthor envia homens de seu contingente para alguma expedição de defesa ou reconhecimento que o Reino dos Magos venha a fazer no interior do Reino dos Mortos. Mas isso ocorre mais devido a uma aliança política do que uma real preocupação ou interesse em adquirir conhecimento sobre tal reino.

REINO DRANVILLE:
Apesar do Reino de DranVille ser um dos reinos civilizados mais distantes do Reino do Mortos, ele guarda muita herança do passado. Considerado o "Reino dos Elfos", realmente existem elfos que viveram a ERA da expansão e viram o florescer do Reino dos Mortos e a extinção dos Elfos Brancos. Tanto que a cidade de Stuária, apesar de ser parte do Reino dos Magos é composta de Elfos.
DranVille é um dos poucos reinos que mantém estudiosos dentro de Stuária. Elfos que trabalham em conjunto com o Reino dos Magos, mas que alimentam DranVille de informações sobre a atividade do reino das Brumas.
Talvez tal reino seja um dos poucos que entendem a real gravidade que é a existência do Reino dos Mortos. Algo que não se pode fazer nada para evitar, mas pode-se monitorar sua atividade para um possível "despertar".

REINO DROW:
O Reino Drow é o reino mais extenso de ERA, isso faz com que suas políticas sejam complexas e seus problemas ainda maiores. Desta forma, seus problemas já são suficientes para que tal reino se preocupe com o Reino dos Mortos. Sua atividade ou existência é um problema para os reinos Fronteiriços: Reino dos Magos e Reino de Kademirk (ou Reino Anão).

REINO KERONÃ:
Keronã também está bem longe da atividade do Reino dos Mortos. Muitos dos moradores deste reino até duvidam da existência de um reino como o Reino dos Mortos em ERA. Tais descrições são fantasiosa demais, dizem.
Este reino já tem problemas demais para se preocupar, ao sul a Ilha Orc e a leste a divisa com o reino Troll. Todos estes fatores faz com que tal reino seja aquém a qualquer atividade do Reino dos Mortos. Afinal, um reino adormecido a tanto tempo, não tem sentido para se preocupar.

REINO KADEMIRK:
O Reino anão também sofreu muito com a guerra "seis noite sem dia" e desta forma o reino é um dos mais preocupados com a existência de seu vizinho. Vários fortes foram construídos na divisa das brumas e zepelings patrulham a área informando rapidamente a capital sobre qualquer invasão eminente. Com o passar dos anos a defesa ficou mais frouxa, mas ainda assim é de longe o reino que mais se preocupa com o Reino dos Mortos. Atentos a todo o momento, seus olhos estão focados em atividades, diferente do Reino dos Magos que focam mais em pesquisas sobre a existência deste reino.

REINO TROLL:
Totalmente neutro em relação a existência do Reino dos Mortos.

ILHA ORC:
Dizem que os Orcs já fizeram incursões com navios até a terra dos mortos, atrás de artefatos ou magias profanas que pudessem aprimorar seus exércitos. Mas tudo isso são especulações, nada foi comprovado, mesmo porque tal reino está do outro lado do continente e um navio Orc não passaria despercebido pelos mares de ERA.
Sendo assim, pode-se considerar que é um reino Neutro em relação a existência do Reino dos Mortos.

ILHA DRAGÃO:
Os navegantes da Ilha Dragão vêm o reino dos Mortos de várias formas distintas. Desde antes do Reino dos Mortos ser o que ele é, os piratas deixavam seus prisioneiros da Ilha da Morte, para que os condenados contassem com a própria sorte. Hoje, acredita-se que alguns membros da Ilha chegam a comercializar com as cidades profanas existente na Ilha da Morte e por mais bizarro que possa parecer, existe um certo comércio entre eles. Um comércio nada convencional, muitas vezes envolvendo vidas inocentes.
Desta forma pode-se dizer que este seja o único reino "comercialmente" ativo em relação ao reino das brumas.

________________________________________________________________________

POLÍTICA DE FRONTEIRAS
Revisado pelo Conselheiro: Fabricio Da Costa Caxias


Aspectos Gerais - Fronteiras:

As fronteiras do Reino dos Mortos se estendem:

- Ao sul, com o Reino dos Magos e é delimitada pelo grande Rio Negro.
- A leste e norte, faz fronteira com o Reino Anão. Sendo marcadas pelas torres de vigília Anã e o Forte de Noreã e pelas próprias brumas. Dizem que as brumas podem variar em até 50 metros ao limite da fronteira.
- A oeste não existe fronteiras, o próprio oceano.

Não existe nenhuma relação comercial entre o Reino dos Mortos e os demais reinos de ERA, sendo um reino fora do contexto político de ERA. Ignorado politicamente, temido militarmente.
A única cidade que se encontra dentro do reino das brumas, é Stuária com comércio ativo (considera parte do Reino dos Magos).

A visão dos reinos em Relação ao Reino dos Mortos:


REINO DOS MAGOS:
O Reino dos Magos faz a maior fronteira com o Reino dos Mortos. É também um dos mais preocupados com qualquer movimentação que leve a seu despertar. Sua história compartilhada de ambos marcou gerações que transmitem os perigos da fronteira norte.
As CIDADE DA PONTE, do FORTE e também a cidade de STUÁRIA que detém grandes conhecimentos sobre o interior das brumas, e mantém vigília constante sobre as Brumas e as soturnas movimentações vagamente avistadas nos dias mais iluminados

REINO DOS BELTHOR:
Belthor está a dois reinos de distância do Reino dos Mortos. Esta distância e silêncio dos mortos, fazem com que Belthor pouco se importe com "o perigo eminente". Afinal antes que os mortos atravessem esta distância, precisam atravessar dois reinos, dando tempo para que preparem sua defesa.
Devido a relação comercial entre o Reino dos Magos, algumas vezes o Reino de Belthor envia homens de seu contingente para alguma expedição de reconhecimento que o Reino dos Magos venha a fazer ao interior do Reino dos Mortos. Isso ocorre devido a aliança política, não a uma real preocupação ou interesse em adquirir conhecimento sobre este reino distante.

REINO DRANVILLE:
Apesar do Reino de DranVille ser um dos reinos civilizados mais distantes do Reino do Mortos. Considerado o "Reino dos Elfos", os elfos que viveram a ERA da expansão, viram o florescer do Reino dos Mortos e a extinção dos Elfos Brancos. Vemos essa história em locais como a já citada cidade de Stuária, que apesar de ser parte do Reino dos Magos é composta de Elfos.
DranVille é um dos poucos reinos que mantém estudiosos dentro de Stuária. Elfos que trabalham em conjunto com o Reino dos Magos, mas com o objetivo de manter seu lar seguro com informações coletadas in loco.
Talvez tal reino seja um dos poucos que entendem a real gravidade que é a existência do Reino dos Mortos. Mantendo monitoramento de sua atividade para um possível "despertar".

REINO DROW:
O Reino Drow é o mais extenso de ERA, tornando sua política e problemas complexos. O caos interno é suficiente para que os governantes ignore a iminente ameaça adormecida do Reino dos Mortos. Suas atividades são um problema para os reinos Fronteiriços: Reino dos Magos e Reino de Kademirk (ou Reino Anão). Totalmente fora de contexto...

REINO KERONÃ:
Keronã também está bem longe da atividade do Reino dos Mortos. Muitos dos moradores deste reino até duvidam de sua existência, considerando-o fantasia em demasia.
Este reino já tem problemas demais para se preocupar: ao sul a Ilha Orc e a leste a divisa com o reino Troll. Estes fatores os tornam ignorantes sobre qualquer atividade do Reino dos Mortos. Não há com que se preocupar com uma massa de terra inerte e esquecida.

REINO KADEMIRK:
O Reino anão também sofreu muito com a guerra das "seis noite sem dia" e desta forma o reino é um dos mais preocupados com sua existência. Vários fortes foram construídos na divisa das brumas e zepelins patrulham a área, que informariam rapidamente a capital sobre qualquer sinal de invasão eminente. Com o passar dos anos a defesa ficou mais frouxa, mas ainda assim é de longe o território que mais se preocupa com o Reino dos Mortos. Sempre atentos diferente do Reino dos Magos, que preferem estudar a estrutura e atividades intrínsecas das terras das brumas.

REINO TROLL:
Totalmente neutro em relação a existência do Reino dos Mortos.

ILHA ORC:
Dizem que os Orcs já fizeram incursões com navios até a terra dos mortos, atrás de artefatos ou magias profanas que pudessem aprimorar seus exércitos. Mas tudo isso são especulações, nada foi comprovado, já que a ilha está do outro lado do continente e um navio Orc não passaria despercebido pelos mares de ERA.
Considera-se que é um reino Neutro em relação a existência do Reino dos Mortos.

ILHA DRAGÃO:
Os navegantes da Ilha Dragão vêem o reino dos Mortos de várias formas distintas. Desde antes de ser o que é, os piratas deixavam seus prisioneiros da Ilha da Morte, à própria sorte. Hoje, acredita-se que alguns membros da Ilha comercializam com as cidades profanas existente na Ilha da Morte e por mais bizarro que possa parecer. Um comércio nada convencional, muitas vezes envolvendo vidas inocentes, tornando este seja o único reino "comercialmente" ativo em relação ao reino das brumas.


________________________________________________________________________

IMAGENS
Pelo Conselheiro: Alessandro Eleutério "Fininho"

LINK DAS IMAGENS: http://rpgbrasil.forumeiro.org/t4117-politica-de-fronteiras#61135

________________________________________________________________________

PROJETO APROVADO!

NECESSÁRIO PARA APROVAÇÃO: 50%  +2 votos (necessário 5 votos)
NÚMERO DE CONSELHEIRO NA VOTAÇÃO: 6

TOTAL DE VOTOS APROVADOS: 5 (100%)
TOTAL DE VOTOS REPROVADOS: 0

CONSELHEIROS COMPUTARAM OS VOTOS: Druidadp - Fininho - AzorHexx - Bordini



Última edição por druidadp em Ter Nov 14, 2017 3:53 pm, editado 7 vez(es)
avatar
druidadp
Administrador

Administrador

Masculino
Número de Mensagens : 18677
Idade : 38
Localização : Varginha - MG
Desde quando você joga RPG? : 1993
Reputação : 101
Pontos : 26067
Data de inscrição : 18/09/2008

http://www.rpgbrasil.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

resolvido Re: POLÍTICA DE FRONTEIRAS [APROVADO]

Mensagem por Bordini em Qui Out 26, 2017 1:31 am

Estou ciente dos materiais, E creio em um
Maior aprofundamento, Resultando numa maior atualização para todas as Cidades-Estado, Evidenciando suas redes complexas, E toda e qualquer relação com o Reino dos Mortos.
avatar
Bordini
Camponês

Camponês

Masculino
Número de Mensagens : 5
Idade : 37
Localização : Rio de Janeiro
Humor : Eloquente
Desde quando você joga RPG? : Desde 1991
Reputação : 0
Pontos : 510
Data de inscrição : 01/07/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

resolvido Re: POLÍTICA DE FRONTEIRAS [APROVADO]

Mensagem por AzorHexx em Sex Out 27, 2017 3:08 pm

Aspectos Gerais - Fronteiras:

As fronteiras do Reino dos Mortos se estendem:

- Ao sul, com o Reino dos Magos e é delimitada pelo grande Rio Negro.
- A leste e norte, faz fronteira com o Reino Anão. Sendo marcadas pelas torres de vigília Anã e o Forte de Noreã e pelas próprias brumas. Dizem que as brumas podem variar em até 50 metros ao limite da fronteira.
- A oeste não existe fronteiras, o próprio oceano.

Não existe nenhuma relação comercial entre o Reino dos Mortos e os demais reinos de ERA, sendo um reino fora do contexto político de ERA. Ignorado politicamente, temido militarmente.
A única cidade que se encontra dentro do reino das brumas, é Stuária com comércio ativo (considera parte do Reino dos Magos).

A visão dos reinos em Relação ao Reino dos Mortos:

REINO DOS MAGOS:
O Reino dos Magos faz a maior fronteira com o Reino dos Mortos. É também um dos mais preocupados com qualquer movimentação que leve a seu despertar. Sua história compartilhada de ambos marcou gerações que transmitem os perigos da fronteira norte.
As CIDADE DA PONTE, do FORTE e também a cidade de STUÁRIA que detém grandes conhecimentos sobre o interior das brumas, e mantém vigília constante sobre as Brumas e as soturnas movimentações vagamente avistadas nos dias mais iluminados

REINO DOS BELTHOR:
Belthor está a dois reinos de distância do Reino dos Mortos. Esta distância e silêncio dos mortos, fazem com que Belthor pouco se importe com "o perigo eminente". Afinal antes que os mortos atravessem esta distância, precisam atravessar dois reinos, dando tempo para que preparem sua defesa.
Devido a relação comercial entre o Reino dos Magos, algumas vezes o Reino de Belthor envia homens de seu contingente para alguma expedição de reconhecimento que o Reino dos Magos venha a fazer ao interior do Reino dos Mortos. Isso ocorre devido a aliança política, não a uma real preocupação ou interesse em adquirir conhecimento sobre este reino distante.

REINO DRANVILLE:
Apesar do Reino de DranVille ser um dos reinos civilizados mais distantes do Reino do Mortos. Considerado o "Reino dos Elfos", os elfos que viveram a ERA da expansão, viram o florescer do Reino dos Mortos e a extinção dos Elfos Brancos. Vemos essa história em locais como a já citada cidade de Stuária, que apesar de ser parte do Reino dos Magos é composta de Elfos.
DranVille é um dos poucos reinos que mantém estudiosos dentro de Stuária. Elfos que trabalham em conjunto com o Reino dos Magos, mas com o objetivo de manter seu lar seguro com informações coletadas in loco.
Talvez tal reino seja um dos poucos que entendem a real gravidade que é a existência do Reino dos Mortos. Mantendo monitoramento de sua atividade para um possível "despertar".

REINO DROW:
O Reino Drow é o mais extenso de ERA, tornando sua política e problemas complexos. O caos interno é suficiente para que os governantes ignore a iminente ameaça adormecida do Reino dos Mortos. Suas atividades são um problema para os reinos Fronteiriços: Reino dos Magos e Reino de Kademirk (ou Reino Anão). Totalmente fora de contexto...

REINO KERONÃ:
Keronã também está bem longe da atividade do Reino dos Mortos. Muitos dos moradores deste reino até duvidam de sua existência, considerando-o fantasia em demasia.
Este reino já tem problemas demais para se preocupar: ao sul a Ilha Orc e a leste a divisa com o reino Troll. Estes fatores os tornam ignorantes sobre qualquer atividade do Reino dos Mortos. Não há com que se preocupar com uma massa de terra inerte e esquecida.

REINO KADEMIRK:
O Reino anão também sofreu muito com a guerra das "seis noite sem dia" e desta forma o reino é um dos mais preocupados com sua existência. Vários fortes foram construídos na divisa das brumas e zepelins patrulham a área, que informariam rapidamente a capital sobre qualquer sinal de invasão eminente. Com o passar dos anos a defesa ficou mais frouxa, mas ainda assim é de longe o território que mais se preocupa com o Reino dos Mortos. Sempre atentos diferente do Reino dos Magos, que preferem estudar a estrutura e atividades intrínsecas das terras das brumas.

REINO TROLL:
Totalmente neutro em relação a existência do Reino dos Mortos.

ILHA ORC:
Dizem que os Orcs já fizeram incursões com navios até a terra dos mortos, atrás de artefatos ou magias profanas que pudessem aprimorar seus exércitos. Mas tudo isso são especulações, nada foi comprovado, já que a ilha está do outro lado do continente e um navio Orc não passaria despercebido pelos mares de ERA.
Considera-se que é um reino Neutro em relação a existência do Reino dos Mortos.

ILHA DRAGÃO:
Os navegantes da Ilha Dragão vêem o reino dos Mortos de várias formas distintas. Desde antes de ser o que é, os piratas deixavam seus prisioneiros da Ilha da Morte, à própria sorte. Hoje, acredita-se que alguns membros da Ilha comercializam com as cidades profanas existente na Ilha da Morte e por mais bizarro que possa parecer. Um comércio nada convencional, muitas vezes envolvendo vidas inocentes, tornando este seja o único reino "comercialmente" ativo em relação ao reino das brumas.
avatar
AzorHexx
Camponês

Camponês

Masculino
Número de Mensagens : 16
Idade : 36
Localização : Kadath
Desde quando você joga RPG? : 1994
Reputação : 0
Pontos : 58
Data de inscrição : 09/10/2017

Voltar ao Topo Ir em baixo

resolvido Re: POLÍTICA DE FRONTEIRAS [APROVADO]

Mensagem por Fininho em Ter Out 31, 2017 9:34 am

Aprovado.
Minha sugestão: poderia colocar uma nota entre cada fronteira para futuras consultas para campanhas exemplo (pode aprimorar isso é só exemplo):

REINO DOS MAGOS
Nível de segurança: Alta, soldados fortemente armados, balestras, grande muralha que se estende entre os dois reinos, vigília 24 horas, patrulhamento em toda a extensão.

ILHA TROLL
Nível de segurança: baixa, apenas alguns soldados fazem o patrulhamento entre a fronteira, não há muros entre a estrada principal que divide os reinos..

Entenderam algo mais ou menos assim, e que pode ajudar os mestres nas campanhas tb.
avatar
Fininho
Administrador

Administrador

Masculino
Número de Mensagens : 6293
Idade : 34
Localização : Varginha/MG - Vilarejo de Camponeses do Bom Pastor
Humor : Palhaço.
Desde quando você joga RPG? : Ahh um Tempo Bom ai !!
Reputação : 25
Pontos : 10065
Data de inscrição : 23/09/2008

http://www.rpgbrasil.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

resolvido Re: POLÍTICA DE FRONTEIRAS [APROVADO]

Mensagem por druidadp em Ter Out 31, 2017 2:41 pm

Fininho escreveu:Aprovado.
Minha sugestão: poderia colocar uma nota entre cada fronteira para futuras consultas para campanhas exemplo (pode aprimorar isso é só exemplo):

REINO DOS MAGOS
Nível de segurança: Alta, soldados fortemente armados, balestras, grande muralha que se estende entre os dois reinos, vigília 24 horas, patrulhamento em toda a extensão.

ILHA TROLL
Nível de segurança: baixa, apenas alguns soldados fazem o patrulhamento entre a fronteira, não há muros entre a estrada principal que divide os reinos..

Entenderam algo mais ou menos assim, e que pode ajudar os mestres nas campanhas tb.

A sugestão é legal.... gostei. Mas nesse caso, cada livro teria de contar com o seu especifico do reino que estamos falando. No caso acima estamos apresentando a visão dos reinos com relação ao reino em questão.

No detalhamento do reino, como fazemos nos outros livros, podemos colocar as fronteiras e assim comentar em cada uma das fronteiras que aquele reino faz, quais os tipos de segurança (apesar de achar que já tem algo assim no reino de Belthor e Magos, preciso conferir).
avatar
druidadp
Administrador

Administrador

Masculino
Número de Mensagens : 18677
Idade : 38
Localização : Varginha - MG
Desde quando você joga RPG? : 1993
Reputação : 101
Pontos : 26067
Data de inscrição : 18/09/2008

http://www.rpgbrasil.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

resolvido Re: POLÍTICA DE FRONTEIRAS [APROVADO]

Mensagem por Fininho em Sex Nov 03, 2017 1:47 pm

Algumas imagens que podem ajudar:










avatar
Fininho
Administrador

Administrador

Masculino
Número de Mensagens : 6293
Idade : 34
Localização : Varginha/MG - Vilarejo de Camponeses do Bom Pastor
Humor : Palhaço.
Desde quando você joga RPG? : Ahh um Tempo Bom ai !!
Reputação : 25
Pontos : 10065
Data de inscrição : 23/09/2008

http://www.rpgbrasil.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

resolvido Re: POLÍTICA DE FRONTEIRAS [APROVADO]

Mensagem por druidadp em Qua Nov 08, 2017 2:00 pm

PROJETO APROVADO!

NECESSÁRIO PARA APROVAÇÃO: 50% +2 votos (necessário 5 votos)
NÚMERO DE CONSELHEIRO NA VOTAÇÃO: 6

TOTAL DE VOTOS APROVADOS: 5 (100%)
TOTAL DE VOTOS REPROVADOS: 0

CONSELHEIROS COMPUTARAM OS VOTOS: Druidadp - Fininho - AzorHexx - Bordini

avatar
druidadp
Administrador

Administrador

Masculino
Número de Mensagens : 18677
Idade : 38
Localização : Varginha - MG
Desde quando você joga RPG? : 1993
Reputação : 101
Pontos : 26067
Data de inscrição : 18/09/2008

http://www.rpgbrasil.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

resolvido Re: POLÍTICA DE FRONTEIRAS [APROVADO]

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum