RPGBrasil.Org
Se Você não é Membro, Cadastra-se Agora é rapido e fácil.
Venha Participar do Melhor Forum de RPG voltado a um Cenário.
Últimos assuntos
» ADOTE UMA CIDADE - O Projeto
Qua Ago 16, 2017 9:45 am por SEDEL

» Coroa de Lehoi Thar (Artefato)
Ter Ago 15, 2017 1:13 pm por druidadp

» Equipamento padrão de Oficial Explorador
Dom Ago 13, 2017 11:04 pm por druidadp

» Porque os Cavaleiros precisavam de escudeiros
Sex Ago 04, 2017 11:15 am por druidadp

» Peso das Armaduras Medievais
Sex Ago 04, 2017 11:02 am por druidadp

» Revista RPGBRASIL.ORG - Edição 02
Sex Jul 14, 2017 11:16 am por druidadp

» Vendo minha coleção de livros
Sex Jun 30, 2017 1:12 pm por José

» Jocah
Qua Jun 28, 2017 9:09 am por druidadp

» Natasha Yori - Viúva Negra
Qua Jun 28, 2017 8:55 am por druidadp

» Livro Jogo
Ter Jun 27, 2017 5:50 pm por druidadp

» Começando...
Ter Jun 27, 2017 5:42 pm por druidadp

» ERA NOVEL :: participe
Sab Jun 17, 2017 7:13 pm por druidadp

» Roll20
Qua Jun 14, 2017 10:43 am por pingoluis

Social bookmarking

Social bookmarking Digg  Social bookmarking Delicious  Social bookmarking Reddit  Social bookmarking Stumbleupon  Social bookmarking Slashdot  Social bookmarking Yahoo  Social bookmarking Google  Social bookmarking Blinklist  Social bookmarking Blogmarks  Social bookmarking Technorati  

Conservar e compartilhar o endereço de RPG Brasil em seu site de social bookmarking

Conservar e compartilhar o endereço de RPGBrasil.Org em seu site de social bookmarking

Conectar-se

Esqueci minha senha

Visitas
Flag Counter

Arrow

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Arrow

Mensagem por druidadp em Qua Mar 26, 2014 2:08 pm


O plano original da Warner era fazer uma série que narrasse as aventuras do jovem Bruce Wayne e o caminho que ele trilhou até se tornar o Cruzado Encapuzado, mas a série de filmes do Nolan mudou os planos. Correndo por fora estava o filme Supermax que mostrava o Arqueiro Verde aprisionado em Blackgate e lutando contra uma rebelião dos prisioneiros.

Nenhum dos dois projetos foi pra frente, mas havia a necessidade de uma série que substituísse Smallville, que terminaria na décima temporada. Várias ideias vieram e se foram com a mesma velocidade, mas com o sucesso dos filmes, o canal CW resolveu investir em outro herói urbano e ricaço.

A verdade é que já havia o projeto de uma série do Arqueiro Verde estrelada por Justin Hartley. A série, que seria um Spin Off de Smallville, foi ressuscitada sem o ator e com uma premissa mais realista: uma mistura de drama familiar com pitadas do que seria a série Bruce Wayne e com uma grande inspiração no Nolanverso, pois segundo o estúdio era o que estava dando certo.

Diferente de Hartley, Stephen Amell, o ator escolhido para encarnar o personagem tem jeito de macho alfa, do tipo que deve tomar banho de Old Spice, o que trouxe um tom mais clássico e adultos para a série.


O Oliver Queen da série não é o mesmo dos quadrinhos. Ele fez uma festinha num navio que terminou mal e naufragou na ilha, onde ficou por um bom tempo e voltou mudado para a sua família. Na verdade, para sua mãe e irmã, pois seu pai morreu no acidente e aos poucos vão sendo levantadas suspeitas de que a mãe e seu amante foram mandantes do acidente.

Em meio aos segredos sórdidos de família ele resolve colocar em prática o que aprendeu durante os cinco anos de exílio numa ilha que se torna quase um personagem da série. Além de lidar com os mistérios das novas motivações do personagem, conhecemos várias versões de personagens que pertenciam ao universo do personagem como sua ex-namorada e futura Canário Negro, Laurel Lance, Roy Harper, que diferente dos quadrinhos foi só um nerd assistente do coadjuvante, Helena Bertinelli, a Caçadora, além de vilões como Slade Wilson e Merlyn.


E isso apenas na primeira temporada, quando a série ainda estava achando seu tom e cometendo um erro típico da Warner, que sempre teve medo de investir na expansão de seu universo com medo de que não emplacasse. Tanto que até então o personagem sequer tinha um codinome nem hera visto como um “super-herói”.

Na segunda temporada, além de ter assumido esse status, os criadores resolveram investir de vez no universo DC Comics. Vários personagens tem surgido para movimentar a série criando tramas interessantes como o Fazedor de Bonecas (criado por Tony Daniel durante sua passagem pelo Batman), além do Professor Ivo e seu Projeto Amazo e alguns como o caso de Barry Allen, são introduzidos na série antes de ganhar o tão sonhado piloto próprio. Suspeita-se de que a aparição do Esquadrão Suicida vá pelo mesmo caminho.


O que tem sido comentado a boca miúda é que diferente da Marvel que começou sua cronologia já nos cinemas e criou uma série de TV (Agent of Shield), a Warner pretende fazer o caminho inverso e investir naquilo que é boa: Séries de TV.

Com o sucesso das séries os personagens migrarão para as telonas e poderão integrar não só o tão sonhado filme da Liga da Justiça como ter suas próprias franquias. No futuro, além de Arrow e The Flash certamente veremos várias séries da DC no CW e nas telonas.

FONTE: http://impulsohq.com/noticias/arrow-quando-a-flecha-verde-finalmente-acertou-o-alvo/

_________________
Edson Lemes Júnior "Druida das Pradarias"
http://www.rpgbrasil.org - LOJA: http://www.rpgbrasil.org/loja
Twitter: @rpgbrasilorg
contato@rpgbrasil.org
avatar
druidadp
Administrador

Administrador

Masculino
Número de Mensagens : 18587
Idade : 37
Localização : Varginha - MG
Desde quando você joga RPG? : 1993
Reputação : 99
Pontos : 25824
Data de inscrição : 18/09/2008

http://www.rpgbrasil.org

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum